A noiva e os últimos detalhes

O OLHAR AGUÇADO

Já escrevi aqui sobre o lado relativamente estandardizado de um dia de casamento. Na estrutura das tarefas marcadas para o dia, não temos grandes diferenças de casamento para casamento. Isto deveria tornar o trabalho do fotógrafo de casamento relativamente previsível e, com o tempo, aborrecido por falta da novidade que é o alimento de qualquer fotógrafo que vibre com o que faz.

Ora, como todos os fotógrafos de casamentos, independentemente do estilo, podem testemunhar, o dia de casamento tem tudo menos tédio. Nunca encontramos uma preparação de noiva igual, uma sessão de cabelos e maquilhagem que se repita, cerimónia que tenha os mesmos sorrisos, olhos em olhos e nervoso miudinho ou convidados que se misturem em caos de igual dimensão, forma ou estado de espírito.

Mas é nos detalhes que por vezes se conseguem imagens que simbolizam o dia de cada noiva, noivo ou casal. É aqui que os vemos em relação com quem os ama, aprimora e cuida. É aqui que sentimos o quanto os laços o são e a forma como o são. Por isso a minha atenção é constante na detecção desses pequenos gestos que, uma vez feitos fotografia lembrarão a sua importância.

Texto e foto: Fernando Colaço

0800

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)