Casamento no Palácio da Cruz Vermelha em Lisboa

Meio da tarde no Palácio da Cruz Vermelha em Lisboa. O noivo em conversa amena com os familiares e convidados que vão chegando não esconde a expectativa da hora da cerimónia e da chegada da noiva. A tarde está luminosa, solarenga e bastante agradável. Finalmente a noiva chega num lindo Fiat 600 mas vai ter que esperar um pouco porque a oficiante, este casamento é o último de uma longa viagem no dia, está um pouco atrasada. A Noiva estoicamente aguenta  sabendo do noivo ali mesmo na entrada da sala e curiosa em como é que ele está.

Finalmente a magnífica biblioteca do Palácio da Rocha do Conde de Óbidos recebe a linda noiva que toma lugar junto do impaciente marido que vai ser. O fotógrafo de casamento presente, eu, começa, pelo canto do olho, a espreitar e a antecipar todos os locais e ângulos possíveis para uma boa captação da cerimónia, coisa sempre de grande necessidade de rapidez porque cerimónia civil não dá dá para grandes reflecções e hesitações. Foi feito e, parece-me, bem. Cumpri, honrei o espaço e os noivos.

A Ana e Carlos, já marido e mulher recebem os sorridentes abraços dos amigos e família como é costume e, já cá fora, na grande varanda sobre o porto de Lisboa, onde o Sol já começa a vestir de dourado o dolente azul do Tejo, começa a comemoração do enlace. Assim que a luz se mostra certa, num pequeno passeio pelas escadarias de acesso ao palácio noivos e fotógrafo dão largas ao prazer sempre renovado de garantir bonitas fotografias do casal em dia de gala onde são estrelas.

Depois, bem, depois jantar e festa como deve ser a festa: dança, conviver e garantir que se comemorou, neste dia, o amor.

Texto e Fotos: Fernando Colaço

0004 0006 0037 0071 0082 0092 0187 0213 0220 0238 0239 0247 0250 0253 0264 0284 0320 0330 0354 0367 0373 0389 0398 0406 0411 0419 0435 0444 0457 0471 0524 0527 0547 0550 0581 0624 0634 0656 0661 0668 0672 0674 0707 0717 0729 0738 0747 0802 0852 0923 1105 1198 1207 1443 1596 1707 1790

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)