Espelhos e noivas

ESPELHO, ESPELHO MEU e O FOTÓGRAFO DE CASAMENTO

O espelho ou o outro lado das coisas. Tenho um fascínio quase maníaco por espelhos e quando entro no sítio onde a noiva, ou noivo, estão para que os fotografe nas suas lides muito próprias de um dia de casamento e não vejo um espelho sinto uma espécie de frustração que, rápidamente, passa porque há trabalho para fazer.

No entanto o espelho pode dar à recolha das imagens que estão a acontecer, em contínuo, uma sensação de sonho, de uma outra realidade, por vezes como se de um jardim suspenso se tratasse, ou vier mais tarde a mostrar que o que se passou naquele espaço e naquele tempo tenha, também, sido parte de um sonho. De um sonho bom e que se quiz.

Assim, sem que seja um acto pensado para organização da toma fotográfica que vai acontecer, a primeira coisa que este fotógrafo de casamento faz, assim que entra no espaço de noivo ou noiva, é saber onde está o espelho. Se está, é verdade, tenho que o dizer, fica aliviado, se não então…não. E segue no seu dever.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)