Fotografia de cara cheia a preparar para o casamento

A GRANDE ATRACÇÃO pelo FOTÓGRAFO DE CASAMENTO

Retrato de cara cheia. Tal como a Lua fica sempre bem em qualquer fotografia, quando cheia e a encher o fotograma, coisa difícil porque o fotógrafo precisa de lente potente, também o rosto ganha uma dimensão absolutamente poderosa quando enche o rectângulo a que, normalmente, chamamos de fotografia.

No entanto não é assim tão simples. Uma fotografia bonita de uma pessoa bonita não fica bonita só porque sim. É preciso saber escolher a lente adequada, estudar o rosto, que não interessa se é bonito ou não porque para a fotografia essas coisas não interessam, a seguir escolher o ponto de vista, se de baixo para cima ou ao contrário, se de frente, se de perfil, ou meio perfil, etc. No caso do fotógrafo de casamentos, também conta o ambiente que envolve o rosto em estudo.

Não é que ache que dentro de todo o processo fotográfico, que envolve o dia do casamento, tenha um interesse superior por uma ou outra parte. Mas, antes de ser fotógrafo de casamento, o que me despertou para a fotografia, foram os retratos que fui observado em revistas, jornais ou livros. Se, ou quando, um dia deixar de pertencer aos fotógrafos de casamentos será o retrato que ficará para me ocupar fotografando. Não há, de facto, outro assunto fotográfico que me atraia mais.

Bonita face da noiva durante o processo de maquilhagem.
Noiva a ver-se num pequeno espelho elíptico.
Cara da noiva, de perfil, a falar com alguém.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)