Fotógrafo ao ritmo do som na pista de um casamento

COMO É FÁCIL pelo FOTÓGRAFO DE CASAMENTO

Na festa, todos festejam. Os lugares de dança nas noites urbanas são muito monogeracionais. Quando lá entramos só vemos primaveris debaixo do som dos woofers das colunas, que enchem de música o espaço que escolheram para descarregar os corpos e as mentes.

Mas num casamento o tempo de batidas ritmadas são por decisão de DJ ou de banda sabedora dos hits que fazem, também, vibrar os corpos e descontrair as mentes. A grande diferença é que o espaço, destinado a fingir de discoteca, fica local de gozo do fotógrafo de casamento por ver todos, mas todos, os que lá estão a seguir o mesmo ritmo, uns com mais vigor que outros e alguns com mais imaginação que todos.

Ser fotógrafo de casamentos é isso, poder saborear todas estas possibilidades de manifestação ao som da música que, como sabemos, toma conta dos corpos, liberta vontades e, em conjunto, põe olhos a brilhar de alegria. E não é preciso fazer nada de especial porque está tudo ali, é só recolher como vindimador em vinha de ano bom.

Fotografias do baile de uma festa de casamento no Hotel Vila Galé Palácio dos Arcos em Paço de Arcos, Oeiras junto da marginal Cascais para Lisboa.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)