O fotógrafo e aqueles gestos em dia de casamento

FOTOGRAFOS DE CASAMENTO e OS GESTOS

No dia de um casamento, o fotógrafo encontra pequenos gestos que atraem as suas câmaras e lentes mesmo antes que ele se dê conta. Um dos mais bonitos é o da colocação do pequenino ramos de flores no bolso do casaco de noivo. Faz parte do noivo, da mesma forma que o ramo pertence à noiva. São aqueles pequenas coisas que transformam o vestir de um homem normal num noivo. Olha, aquele é o noivo, dizem os vizinhos, como sabes não vês que tem a raminho de flores no bolso.

Mas o fotógrafo de casamento, com o tempo, começou a reparar que colocar esse grupinho de flores, esmeradamente arrumado, é muito mais do que um gesto técnico. A sua forma e intensidade emocional muda um pouco conforme pessoa que o faz. Se delicadamente em forma de carinho pela mãe, se de orgulhoso e preciso da mana, se deixa cá ver como é que isto se põe do pai ou se é pá assim já está bem de um irmão.

São mais gestos de carinho e de amor. É isso que o fotógrafo de casamento tem vindo a observar e a anotar em forma de fotografias, como lhe compete. Já algumas vezes dei por mim a esquecer-me da minha função e a dar-me por observar, deleitado, o gesto. Sei que não é profissional, mas prova que as coisas me tocam e interessam e isso é fundamental para ser um fotografo que dá nota do que é preciso dar nota. Disso não tenho dúvida nenhuma.

Mãos a colocar a flor de lapela no casaco do noivo.
Flôr de lapela no casaco do noivo.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)