O fotógrafo e as decisões na cor na fotografia de um casamento

O PRETO E BRANCO DA COR pelo FOTÓGRAFO DE CASAMENTO

Já, uma vez ou outra, escrevi sobre a minha opção pelo preto e branco. Os fotógrafos de casamentos têm, qualquer um deles, a sua opção estética relativa à cor, além das diferenças de composição, o que a cada um deles chama mais a atenção ou a forma mais calma ou mais atirada no seu estilo de toma de vistas.

Como alguém que desde muito cedo se sentiu atraído pela fotografia, primeiro como simples apreciador e só depois como fazedor delas, os meus olhos sempre se sentiram mais atraídos pelo preto e branco, salvo algumas, raras excepções. No entanto existe um tipo de fotografia a cor, a que chamo o preto e branco da cor, que me chama sempre a atenção. São aquelas com uma dominante de cor que toma conta e não deixa que os olhos se distraiam com outras mais secundárias não fugindo da atracção principal que o fotógrafo de casamentos escolheu no momento da toma.

A fotografia do meio, apesar de ser a cores, não destoa das outras cheias de meios tons como se novelos de cambiantes de luz nos levassem até à noiva em fase de maquilhagem. Todas as soluções levam com eficácia os nossos olhos não os deixando de fora da solução, escolhida pelo fotógrafo de casamento, na composição. De facto não aceito todas as soluções de fotografia com cores mas dou-lhe o mesmo interesse quando respeitam aquilo que considero ser a harmonia fundamental de uma imagem.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)