Reacção na fotografia de casamento

PEQUENOS DEMÓNIOS E ANJOS TRAQUINAS

Não se pense que um fotógrafo de casamento consegue fotografar todos os grandes momentos que vão acontecendo ao longo do dia. Pode ser uma afirmação pouco digna de vendedor mas é honesta. Tomara eu. Muita coisa se conjuga para que se consiga e, também, pelo seu contrário. Muitas vezes até parece que demónios irritantes ou anjos partideiros se encarregam de colocar todas as variantes que podem fazer uma boa fotografia fora do tempo correcto para que tal aconteça. O que irrita, muito, este fotógrafo de casamento.

Mas, felizmente, a maioria das vezes, isso não acontece e os demónios irritantes estão a estragar a vida a outros fotógrafos de casamento e os anjos traquinas até gostam de mim. E quando uma fotografia que consideramos impossível teve essa ajuda, o nosso ego, os fotógrafos de casamentos são muito vaidosos, incha como se fosse tudo conseguido só por nós. É por isso que falo dos anjinhos que me ajudam muito. Foi o caso desta fotografia onde, para ser feita, tinha tudo contra o esforçado fotógrafo: chovia, foi um beijo muito rápido, os vidros do carro eram muito fumados com reflexos exteriores e o sistema nervoso do fotógrafo tem a tendência de entrar em pânico em situações destas. Mas correu bem. E é isso que faz este fotógrafo de casamento querer sempre voltar para fazer mais.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)