Pelo túnel de luz e fogo o fotógrafo segue os noivos até ao bolo do casamento

O TÚNEL DO AMOR COM LUZ pelo FOTÓGRAFO DE CASAMENTO

Luz, fogo e vida. Se, por um lado, o corte do bolo faz parte da última oferta dos noivos aos seus convidados estes retribuem, ainda, com gestos que simbolizam a sua presença por vontade e amor por eles. Nada de mais simbólico do que iluminar com luz que é fogo o caminho do casal para esse último altar ritual onde encontra o bolo.

Sempre que o fotógrafo de casamento se posiciona no sítio certo consegue mostrar que é assim que foi e que, de outro ponto de vista, o casal levará consigo, mais completa, a memória de ter passado por esse túnel de gente, luz e fogo. Nem sempre é dos momentos mais fáceis para fotografar devido ás condições de luz, fogo e energia necessários para que se faça fotografia que é escrita com luz, mas o fotógrafo de casamento já leva uns bons truques na manga que o tempo lhe ensinou e garanta, assim, esse complemento de memória, sua obrigação e função.

É verdade que vejo o meu trabalho como complemento ao que o casal leva consigo de todo o dia. No entanto o fotógrafo de casamentos tem outra perspectiva, andou a ver as coisas de outros ângulos que permitem esse juntar de peças e garantam um todo mais cheio. Pelo menos, esforço-me por isso. E parece resultar.

Noivos a caminho do corte do bolo, entre convidados.

Fotografia de um casamento na Quinta dos Pezinhos no Tejo em Monte da Caparica com Lisboa do outro lado do Tejo.

Saiba sobre Fernando Colaço. Porque fotografa casamentos,  como é seu método de trabalho, respostas que procura, conselhos que possam ser preciosos para o dia do seu casamento, encontrar alguns parceiros para os serviços que precise  ou como cantactá-lo para receber toda a informação que precise.

Share This:

Leave a Comment

  • (will not be published)